TODO PODER EMANA DO POVO

Acessos

Mostrando postagens com marcador paço do lumiar. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador paço do lumiar. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 14 de janeiro de 2022

BOMBA!! ESQUEMÃO DE PAÇO DO LUMIAR ENVOLVE O MONTANTE DE R$ 42.047.064,40 E TEM INTEGRANTE CONDENADA PELO TCU

O Ministério Público do Maranhão, representado pela promotora de justiça, Gabriela Tavernard, transformou em INQUÉRITO CIVIL, o esquemão de Paço do Lumiar.

Há fortes indícios que o esquemão de Paço do Lumiar funciona por meio da simulação de suposta prestação de serviços de manutenção das UEB’s (R$ 20.830.484,10); equipamentos para as UEB’s (R$ 5.327.726,85), locações de máquinas pesadas (R$ 2.184.020,90); fornecimento de combustíveis (R$ 6.220.520,48); compra de piçarras (R$ 3.303.000,00); pavimento de concreto armado (R$ 635.781,91); sanitização/higienização (R$ 1.768.398,08); sinalização de ruas (R$ 844.932,04); manutenção de semáforos (R$ 932.200,04), etc.

A partir do inquérito que abriu, a promotora de justiça de Paço do Lumiar detectará uma verdadeira organização criminosa que lança mão dos cofres daquele município. Como há recurso federais envolvidos no esquemão, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal já devem estar investigando os integrantes desse esquema. O montante sub suspeita já soma o valor de R$ 42.047.064,40.

O Ministério Público iniciou sua investigação pelo suposto serviço de locação de máquinas pesadas pela Construtora Digão, CNPJ nº 07.193.479/0001-79. Esta empresa já foi usada em esquema semelhante no Município de Barreirinhas/MA, sendo condenada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) a devolver à FUNASA o montante de R$ 1.302.888,58 em valores atualizados, além de R$ 400.000,00 em multa aplicada pelo tribunal, conforme Acórdão 844/2020 - TCU - 1ª Câmara, Relator Walton Alencar Rodrigues.

Para camuflar o esquemão, a gestora de Paço do Lumiar descumpre normas de transparência e esconde os dados dos efetivas das prestações dos serviços contratados, a exemplo do fornecimento de combustível no montante de R$ 6.220.520,48. Quem fornece? Quais veículos são abastecidos? Onde estão os contratos?

E a Câmara Municipal de Paço do Lumiar! Por que a maioria absoluta de seus vereadores permanecem calados? Por quanto foram comprados?

O deputado estadual Dr. Yglésio também denunciou o esquema no plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão. As acusações são graves. Ouça a denúncia do deputado.👇
O blog também recebeu dados de um esquema milionário em Bacabal, que foi estendido para Paço do Limiar. O que será objeto da próxima postagem.
Aparentemente, a prefeita de Paço do Lumiar não teria a expertise de articular tamanho esquema. Quem estaria por trás do esquemão como chefe?

quinta-feira, 8 de julho de 2021

MAIS BOMBA!! 😲TCE-MA pega prefeita de Paço do Lumiar - MA em esquema de esconder informações de despesas da fiscalização do Tribunal😲

Auditoria do TCE-MA, por representação dos vereadores Fernando Feitosa e Miércio Roberth,  contatou a ausência de qualquer informação referente a realização de despesas com a CONSTRUTORA DIGÃO EIRELLI, CNPJ nº 07.193.479/0001-79, que teria sido contratada para pavimentação asfáltica e drenagem em vias do município de Paço do Lumiar – MA em 2020.

Os auditores do TEC-MA afirmam que "no acervo de dados da Corte de Contas, não consta nenhuma documentação comprobatória de realização das despesas referentes aos exercícios financeiro de 2020 e 2021".

Em razão desse esquema da gestora de Paço do Lumiar, o TCE_MA lhe aplicou uma multa pelo não envio dos elementos de fiscalização ao Tribunal.

Também foi determinado O ENVIO imediato ao Tribunal de Contas, de cópia da íntegra do Processo Administrativo nº 4688/2020, o qual originou a contratação da CONSTRUTORA DIGÃO EIRELLI, e de toda documentação comprobatória de realização das despesas concernentes a contratação de empresa objetivando a execução de serviços de terraplenagem e pavimentação, bem como, da respectiva documentação de suporte (comprovantes da prestação efetiva dos serviços contratados), exercício financeiro de 2020 e 2021(se houver).

O blog obteve informações concretas que a referida construtora recebeu vários pagamentos da prefeitura de Paço do Lumiar. Recebeu R$ 1.721.729,24 em 2020 e R$ 2.646.312,56 em 2021, conforme detalhado abaixo.

Outros R$ 106,2 Milhões pagos a outras empresas por supostos serviços estão sob análise - logo logo haverá BOMBA!!😲

quarta-feira, 7 de julho de 2021

PAÇO DO LUMIAR SANGRA!!!😱 R$ 134 Milhões repassados agora em 2021😱 e compra astronômica de 1.367.025 de Litros de Combustíveis 😱

 

Desses repasses consta a justificativa só de R$ 14.467.430,54 conforme abaixo. Onde se vê a destinação de R$ 6.220.520,48 para a compra de uma enorme quantidade de 1.367.025 Litros combustíveis😱, sendo 435.525 Litros de Gasolina Comum😱 e 931.500 Litros de Óleo Diesel😱. 

 PROCESSO

OBJETO

VALOR

2575 / 2020

Prestação dos serviços de sanitização de ambientes públicos internos

R$ 844.899,88

2143 / 2020

aquisição de insumos hospitalares e medicamentos para combate ao Coronavirus

R$ 100.003,10

2997 / 2020

sanitização de áreas públicas do Município com  o  fim  de  mitigar  os  efeitos  da  COVID-19

R$ 923.498,20

2142 / 2020

Aquisição de materiais médico-hospitalares para combate à propagação da transmissão da COVID-19

R$ 108.640,00

2021.07.0002 / 2021

LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA INSTALAÇÃO DO PREVPAÇO

R$ 54.000,00

50 / 2021

execução dos serviços de assessoria e consultoria em contabilidade

R$ 720.000,00

3146 / 2021

fornecimento de combustíveis (gasolina comum, óleo diesel S500 a S10)

R$ 6.220.520,48

9195 / 2020

recarga de gás de cozinha GLP em botijão de 13Kg

R$ 524.930,00

905 / 2021

Contratação de Palestrante

R$ 3.000,00

904 / 2021

Contratação de empresa produtora de televisão

R$ 7.000,00

902 / 2021

kits de Alimentação Escolar

R$ 1.384.669,00

995 / 2021

contratação de emissora e produtora de TV

R$ 199.736,00

562 / 2021

recuperação de vias não pavimentadas, estradas vicinais, acesso nos diversos bairros, comunidades e povoados

R$ 3.303.000,00

7167 / 2021

aquisição de cones, barris e gradis para a SEMUR

R$ 35.026,55

5658 / 2020

aquisição de  equipamentos  e  mobiliários  permanentes  para  a  SEMUR

R$ 21.387,33

003 / 2021

software a ser utilizado no SAÁE

R$ 17.120,00

Total

14.467.430,54

terça-feira, 6 de julho de 2021

BOMBA!! TCE descobre R$ 6,9 Milhões em acréscimos ilegais em apenas dois contratos da Prefeitura de Paço do Lumiar - o MP foi acionado apurar os crimes e meter a quadrilha na cadeia

O presidente da Câmara, Fernando Muniz precisar dizer de que lado estar diante de tantas irregularidades e crimes de improbidades da Prefeita Paula Azevedo.

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) acatou representação de dois vereadores onde fazem e provam graves crimes de improbidade já praticados e outros em curso nos cofres da Prefeitura de Paço do Lumiar.

São acusados a prefeita Paula Azevedo; Arsênia Pereira de Sousa Medeiros Formiga (Secretária Municipal de Educação); Marcos Antônio Silva Pereira (ex-Secretário Municipal de Educação); Rômulo Nascimento Costa (sócio administrador da Empresa R N da Costa); Domingos Lopes Carvalho da Silva (representante legal, da Empresa Panorama Empreendimentos Serviços) e outros comparsas a serem arrolados no curso da investigação do Ministério Público.

O TCE-MA foi informado de uma verdadeira organização composta por servidores públicos, empresários e que são liderados pela atual prefeita que estão sistematicamente dilapidando o erário.

Os vereadores apontaram dezenas acréscimos ilegais em contratos das Secretarias de Educação e Saúde. Provaram acréscimos ilegais de serviços que variam de 55% e 355%, se apurando aí o montante de R$ 4,2 milhões gastos irregularmente ou desviados. Isto tudo somado a outros R$ 2, 7 milhões de acréscimos contratuais.
Pelo visto vem aí operação policial em Paço do Lumiar.

sexta-feira, 11 de junho de 2021

CRIME DE IMPROBIDADE À LUZ DO DIA EM PAÇO DO LUMIAR

Além de esconder  contratações públicas, a prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo, continua a interagir com crimes de improbidade à luz do dia.


Desta vez a gestora municipal procedeu uma contratação direta assessoria e consultoria em contabilidade no valor superfaturado de R$ 720 mil sem licitação, conforme o Processo nº 50/2021.


O STJ tem lavrado condenação de gestor que contrata serviços de assessoria tributária e contábil sem licitação, configurando a prática de improbidade administrativa causadora de violação aos princípios da administração pública, nos termos do art. 11, caput, da Lei n. 8.429/92.


Tudo porque “os serviços de assessoria tributária e contábil não são de natureza singular e que, portanto, não se enquadram no caso de inexigibilidade da licitação”.


A gestora, na cara dura, vem escondendo as contratações que faz.

No portal de transparência aparece as quantidades de contratos, mas não aparece a lista dos mesmos.