TODO PODER EMANA DO POVO

Acessos

Mostrando postagens com marcador Denúncia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Denúncia. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 17 de abril de 2020

O Coronavírus está aquecendo a corrupção: MA comprou respiradores por R$ 50 mil cada. O CE por R$ 120 mil cada

RESPIRADORES SUPERFATURADOS:

Flávio Dino terá que devolver R$ 2.613.250,00 e o governador do Ceará terá que devolver R$ 63.825.000,00.
Confira os preços de respiradores mais modernos, incluindo a entrega e o dólar a R$ 5,25.
Que tipo de respiradores compraram? O blog e o povo quer vê os aparelhos e a nota fiscal da empresa que vendeu.
E comprado em quantidade fica mais barato.

Vamos arredondar o valor da máscara para 5.000 dólares. O dolar comercial de hoje é R$ 5,25

O governador do Maranhão disse que comprou 107 respiradores e 200 mil máscaras por R$ 6 milhões ao custo de R$ 56 mil cada. 
Cada máscaras hospitalar do tipo N95 custo R$ 2,89.
CALCULO - MA: 200.000x2,89+107x5000x5,25=R$ 3.386.750,00. Cadê o troco Flávio Dino?
O governador do Ceará disse que pagou R$ 120 mil por cada na compra de 700 respiradores.
CALCULO-CE: 700x5000x5,25 = R$ 18.375.000,00. Cadê o trocão governador do Ceará?

quarta-feira, 15 de abril de 2020

SANDICE SUPREMA!! Decisão do STF tirando poderes do governo federal e passando para os Estados e Municípios É sandice. É golpe. É política

PORQUE O STF VEM AGINDO
COM TAMANHA SANDICE?
Vamos aos fatos e às provas jurídicas de que o STF está produzindo confusão, agindo politicamente e com sandice .

FATO 1
Em 6 de fevereiro de 2020, o Congresso aprovou e Bolsonaro sancionou a Lei nº 13.979/2020 que trata de forma igualitária todos os cidadãos brasileiros e em todo o território nacional, mediante a adoção de medidas coordenadas e unificadas com os Estados e Municípios para combate e controle do Covid-19. Depois veio o Decreto nº 10.282/2020, regulamentando Lei nº 13.979, definindo os serviços públicos e as atividades essenciais.

PROVA 1
A referida Lei, reforçada pela Medida Provisória nº 926, de 2020 de Bolsonaro, já contemplava as competências dos Estados e Municípios. CONFIRA ABAIXO O ART. 3º DA LEI:

Art. 3º da Lei nº 13.979/2020 - "Para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus, as autoridades poderão adotar, no âmbito de suas competências, dentre outras, as seguintes medidas:

I - isolamento;
II - quarentena;
III - determinação de realização compulsória de:
       a) exames médicos;
       b) testes laboratoriais;
       c) coleta de amostras clínicas;
       d) vacinação e outras medidas profiláticas; ou
       e) tratamentos médicos específicos;
IV - estudo ou investigação epidemiológica;
V - exumação, necropsia, cremação e manejo de cadáver";

FATO 2
Para desgraçar a situação do País e depois apontar para Bolsonaro e exigir providências para resolver o caos que eles mesmos planejaram, o PDT orientado pela quadrilha que se homizia  no Congresso Nacional- foi ao STF mentindo e alegando que a o Decreto e a MP de Bolsonaro alteraram a legitimidade e a competência concorrente de Estados e Municípios.

PROVA 2
Sobre o assunto, o Procurador-Geral da República, Augusto Aras,  provou citando uma sequência de quatro itens que, as medidas tomadas por Bolsonaro foram feitas "com vistas ao resguardo das atividades e serviços públicos de caráter essencial". CONFIRA.

O Procurador-Geral da República demonstrou, que:

"Cabe à União - Sobre a proteção à saúde, editar normas gerais que busquem a coordenação nacional; 

Cabe aos Estados  - regular os assuntos de interesse regional, em suplementação às normas gerais nacionais;

Cabe aos Municípios - legislar a respeito de temas de interesse local (CF, art. 30, I), observadas as regras federais e estaduais estabelecidas sobre a matéria.

FATO 3
Fechando os olhos para a sua responsabilidade de pacificador da República, o STF navega por vieses nojentos e interpretações esdruxulas, tomando partido daqueles que buscam o caos no país para derrubar um presidente da República bastante desagradável àqueles que transformaram o Brasil na República das Propinas, inclusive no Judiciário, que agora, instigado pelos abstinentes da corrupção, vai à forra como vingança à falta da babinha (o "toma lá, dá cá").

PROVA 3
O Procurador-geral da República citou, inclusive a obra "Jurisdição constitucional: o controle abstrato de normas no Brasil e na Alemanha", do Ministro Gilmar Mendes - um dos maiores hipócritas do STF.

O Procurador citou como exemplo a Lei 8.080/90, que regula, em todo o território nacional, as ações e serviços de saúde, executados isolada ou conjuntamente, em caráter permanente ou eventual, por pessoas naturais ou jurídicas de direito Público ou privado.

O Parágrafo Único, do Art. 16 dessa Lei consta expressamente: 

"A União poderá executar ações de vigilância epidemiológica e sanitária em circunstâncias especiais, como na ocorrência de agravos inusitados à saúde, que possam escapar do controle da direção estadual do Sistema Único de Saúde (SUS) ou que representem risco de disseminação nacional".

O Procurador colocou o STF em cheque ao argumentar:

"A prevalecer o entendimento de somente caber a lei complementar a disciplina atinente ao enfrentamento ao Covid-19, por envolver atuação coordenada de entes federados diversos, não apenas as normas da MP 926/2020 seriam inconstitucionais, mas também as da Lei 13.979/2020 como um todo e, no limite, as da própria Lei 8.080/1990, no que definem as áreas de atuação de cada esfera da Federação no âmbito do sistema único de saúde (arts. 15 a 19)".

De acordo com Federação Brasileira de Telecomunicações (Febratel) e o Banco Central do Brasil, mais de 400 normas já foram editadas por governadores.

ENTÃO!! PORQUE O STF VEM AGINDO COM TAMANHA SANDICE?

VERIFIQUE POR QUE...

segunda-feira, 23 de março de 2020

PIOR QUE O COVID-19: Passado o perigo da pandemia o povo de bem do Brasil e o governo federal deverão responder à altura os ataques terroristas executados em plena crise

O blog tem informações de que passado o perigo da pandemia, as ruas do Brasil se transformarão em campo de guerra, em resposta aos ataques terrorista-virtual para derrubar a administração federal.

Governadores, principalmente do Nordeste, Têm patrocinado esses ataques por seus comparsas mantidos nas folhas de pagamento dos Estados. Recentemente descobriu-se uma jornalista famosa recebendo de um governador para tocar o terror contra o governo federal. 

O que se infere de tudo isso, é que as a inteligência das Forças Armadas e estão colhendo elementos de provas dos ataques para quando agir não vir 'coitadinhos' dizendo-se vítima da ditadura. As autoridades da repúblicas têm colhido diversas provas de crimes contra a Segurança Nacional, cuja Lei está em Vigor.

Se alguém acha que o que a Esquerda está fazendo não é terrorismo - vou desenhar ✍ para vocês:

A Organização das Nações Unidas define terrorismo da seguinte forma:

“Atos criminosos pretendidos ou calculados para provocar um estado de terror no público em geral […]“ (Resolução 49/60 da Assembleia Geral).

De acordo com a definição da ONU, o que realmente importa aos terroristas é aterrorizar o resto da sociedade, movimentando a imprensa, as redes sociais e os órgãos governamentais. No Brasil até a grande imprensa está sendo braço dos terroristas virtuais.

De maneira semelhante, os EUA também traz uma definição explícita do que seria o terrorismo: 

“[…] violência premeditada e politicamente motivada, perpetrada contra alvos não-combatentes e praticada por grupos ou agentes clandestinos, normalmente com a intenção de influenciar um público”. 

Ou seja, os ataques terroristas teriam alguns fatores em comum, que seriam:

1 - Premeditação: sempre são planejados previamente pelos seus perpetradores - No caso do Brasil até cidadãos comuns já perceberam quem está por traz dos ataques.

2 - Fim político: o grupo pretende causar algum efeito na esfera política, como motivar governantes a fazer ou deixar de fazer alguma coisa: No caso do Brasil estão aproveitando a pandemia para perpetrarem seus interesses políticos e ideológicos.

Checa só como articularam para iniciar seus ataques: 
Usando os próprios recursos repassados pelo governo federal, muitos governadores baixou medidas orientadas pelo governo federal, mais em seguida atribuíram a si tais iniciativas e mandaram divulgar que o governo federal nada estava fazendo. Também articularam que as informações do governo federal fossem tratadas como notícias falsas. Quando o presidente Jair Bolsonaro reage aos seus ataques eles intensificam o terror e seus comparsas atacam a dignidade do presidente, dizendo até que a autoridade maior do País é doente mental. Mesmo assim, o presidente não faz uso da Lei de segurança Nacional por conta do momento.
4 - Vítimas são civis: atos terroristas não acontecem em um campo de batalha, onde o conflito e a violência já são esperados. No caso do Brasil, os ataques estão sendo feitos pelas redes sociais e pelos telejornais que têm concessão pública.

5 - Grupos são clandestinos: os grupos políticos que realizam ataques terroristas existem sem reconhecimento e respaldo legal: No caso do Brasil, alguns grupos da esquerda nem faz mais segredo já estão agindo sem máscara apostando na impunidade que o povo de bem dará. 

6 - Objetivo é obter audiência: o ato terrorista serve tanto para aterrorizar a população, quanto para convencer outras a aderir às causas do grupo (o Estado Islâmico, por exemplo, tem conquistado novos adeptos ao longo do tempo, até mesmo em países ocidentais). No caso do Brasil é para o PT, PC do B, PSOL e outros comparsas deles obterem audiência que fora perdida em 2018, com a eleição 🗳 de um presidente que está combatendo a corrupção e cortou as propinas de todo mundo. 

domingo, 15 de março de 2020

Burrice do eleitor maranhense ou é a miséria que cede aos trocados e promessas de corruptos políticos?

No Maranhão manter a miséria e a alienação do povo sempre foi a tônica dos políticos e das instituições que eles mantêm. A título de exemplo, vale citar uma figura badalada nos bolsões de miséria do Maranhão. Trata-se do Deputado Federal Josimar do Maranhãozinho. 
CUPIM - Nome que a PF deu ao esquema que Maranhãozinho liderava.
Ao TSE em 2018, Maranhãozinho declarou possui um patrimônio R$ 14.591.074,31.

O cara consegue eleger a si e outros por um velho e protegido método no Maranhão (CURIOSO? CONFIRA AQUI!). Controla várias prefeituras e a região da BR-316 e por lá tem o título de "Moral da BR". Fraude em licitações para desvio de recursos públicos é outro método dos gestores parceiros de Maranhãozinho.

Se servindo de eleitores pobre e analfabetos do MA, Josimar vai tirando de letra diante de uma Justiça leniente. Agora estende sua sanha para a Região Metropolitana, patrocinando projetos políticos em São Luís, Paço do Lumiar, São José de Ribamar e Raposa.

sexta-feira, 13 de março de 2020

Prefeita prejudica centenas de alunos universitários de Paço do Lumiar

A Faculdade IESF, que sempre deu suporte para toda a comunidade de Paço do Lumiar, também concedia 50% de descontos para todos os cursos de graduação e pós-graduação por conta de Covênio com a Prefeitura. Ocorre que por questões posicionamento político particular de um dos diretores da Faculdade, a Prefeita de Paço do Lumiar, Paula da Pindoba empreendeu retaliações à Faculdade cancelando o aludido convênio, prejudicando 80% do alunado da Faculdade, que são cidadãos luminenses. O IESF emitiu nota de repúdio.
Enquanto as prefeituras pelo Brasil fazem vários convênios com universidades para desenvolver a educação dos municípios (CONFIRA...), a de Paço do Lumiar volta para a idade da pedra lascada, dificultando a vida dos cidadãos luminenses, que certamente reagirão.