TODO PODER EMANA DO POVO

Acessos

terça-feira, 9 de julho de 2019

NOVA PREVIDÊNCIA: A peleja de Bolsonaro diante da política do "faz-me rir" de Rodrigo Maia e comparsas

Bolsonaro vai para a história como o presidente que pós os deputados e senadores em seus lugares.

Eis os fatos:
No dia 20 de fevereiro de 2019, Bolsonaro entregou ao presidente da Câmara o Projeto de Reforma da Previdência. Receberam e depois ficaram mandando recados para Bolsonaro, dizendo que aquilo não ia passar; que precisavam ter umas conveR$as; de umas articulaçõe$, ao estilo da velha política ...

Bolsonaro “Fez ouvido de mercador”, mas os ratos de botica que transmitem a leptospirose da corrupção continuaram pressionando para Bolsoraro liberar o que eles chamam de "faz-me rir". Bolsonaro mandu-lhes o recado dizendo que se dependesse dele, os da velha política iam ficar tristes por muito tempo.

Reagiram dizendo que então não aprovariam a Nova Previdência. Aí, Bolsonaro mandou o recado final: Assumam as consequência quando a Previdência quebrar de vez. 

Depois veio o recado do povo para os da política do "faz-me rir".

Agora, na perspectiva de ser aprovada a Previdência por pressão popular, Rodrigo Maia quer posar de pai da criança que rejeitava há pouco tempo.

sábado, 6 de julho de 2019

Copeiras são maltratadas nas "Escolas Dignas" de Flávio Dino

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) mantém contrato e empenho de R$ 6.064.460,49 a favor da empresa Martins e Reis Ltda, CNPJ nº 02.710.009/0001-11, que vem maltratando mas 200 (duzentas) copeiras que servem nas tais escolas dignas do governo Flávio Dino.

Denúncias que chegaram ao blog via WhatsApp dão conta que a referida empresa caloteira passa meses sem pagar os salários das copeiras, nem tampouco os tickets alimentação que têm direito. Também não paga as férias.


Por cada copeira, Flávio Dino paga mensalmente R$ 2.300,00. Sabes Quanto a Martins Reis paga para as copeiras? Apenas R$ 849,00 mais R$ 350,00 de Ticket Alimentação. Com isso, a Martins Reis Lucra 192% em cima das exploração das proletariadas. As quais, hipocritamente Flávio Dino dissimula defendé-las.

Neste ano de 2019, o governo Dino informa no portal da transparência, que  já repassou para a Martins Reis o valor de R$ 2.331.271,58 (Dois Milhões Trezentos e Trinta e Um Mil e Duzentos e Setenta e Um Reais e Cinquenta e Oito Centavos).

Segundo a denúncia, os donos da Martins Reis alegam que o Flávio Dino não está repassando o dinheiro.

Enquanto os dois disputam quem mente mais, as copeiras das ditas escolas dignas do Maranhão passa necessidades extremas.

Com a palavra o inerte Ministério Público do Maranhão quando se trata de denúncias contra o governo do Estado.

sexta-feira, 5 de julho de 2019

LIGUE OS PONTOS: André Esteves, a Organização Criminosa e a REVISTA VEJA que agora substitui a Carta Capital

André Esteves, conhecido na ORCRIM como ‘o banqueiro de Lula’ é o controlador do banco BTG e abastecedor dos cofres do PT. Também financiou a compra da Editora Abril, que publica a Veja. Que agora protege a organização criminosa em substituição à Revista Carta Capital.
EM DELAÇÃO MARCELO ODEBRECHT DELATA LULA, ANDRÉ ESTEVES E A REVISTA CARTA CAPITAL, QUE AGORA FORA SUBSTITUÍDA PELA REVISTA VEJA.

Nem no mundo desenvolvido existe previdência como a atual do Brasil

Como é a previdência no resto do mundo? 
Da Revista Super Interessante
França, Espanha e Alemanha já fizeram reformas que aumentaram a idade mínima de aposentadoria para 65 anos. Na próxima década, vão subir mais ainda. 

A Reforma da Previdência apresentada nesta quarta-feira (20) ao Congresso propõe criar uma idade mínima para todas as aposentadorias. Hoje, o mais comum no Brasil é se aposentar é por tempo de contribuição: 35 anos para os homens e 30 para as mulheres. Ou seja: se um homem começa a trabalhar aos 22 anos, pode se aposentar aos 57. Uma mulher, aos 52. 

Isso não existe no mundo desenvolvido, que adota os 65 anos como idade mínima, em geral para ambos os sexos. 

Na outra ponta do barbante previdenciário, nasce cada vez menos gente. No Brasil da década de 1960, nasciam 6 crianças por família, o que enchia a economia de jovens para bancar as aposentadorias dos (relativamente poucos) que chegavam à terceira idade. Hoje é o contrário: cada família gera 1,7 criança, e a expectativa de vida nacional é de 76 anos (72 para homens e 79 para mulheres). 

No Brasil, cidadãos com mais de 65 serão 25% da população em 2060, três vezes a proporção atual – algo próximo à proporção de idosos que a Europa terá até lá (30%). 

Com menos jovens para trabalhar e mais aposentados para bancar, então, não existe milagre: todas as previdências sociais do mundo tendem a quebrar. 

Por isso mesmo, vários países estão reformando seus sistemas de aposentadoria. França, Espanha e Alemanha fizeram reformas que aumentaram a idade mínima para aposentadoria e o tempo de contribuição. Nesses três países, a idade mínima para se aposentar é de 65 anos. Na próxima década, porém, passará para 67. 

Além da idade mínima, outra questão é o quanto vai cair efetivamente na conta. Nos países desenvolvidos, a renda média de um aposentado equivale à metade dos últimos salários, mas há exceções. É o caso dos ingleses, que estão entre os que menos recebem: a aposentadoria média corresponde a 21% do salário integral. Aqui, essa discussão mal faz sentido. De cada três aposentados, dois ganham um salário mínimo. E, mesmo se seus últimos contracheques forem bem gordinhos, o teto da previdência é de R$ 5,5 mil – o salário-mínimo na Nova Zelândia.

Crescimento da terceira idade: 

Porcentagem do salário que o trabalhador passa a receber quando se aposenta, em média:

quinta-feira, 4 de julho de 2019

ESTRATÉGIA DIABÓLICA: Dizer não á Nova Previdência para depois ...

A rendição total parecia iminente…. e então o povo disse: NÃO. 
Em 1964 as etapas para a conquista do poder estavam marcadas 
com um circulo vermelho: primeiro, o caos; depois, guerra civil;
por fim domínio comunista total.
Dizer não á Nova Previdência é estratégia para afundar o Brasil pra depois a esquerda bandida apresentar a mesma solução que Bolsonaro e sua equipe está apresentando sem viés ideológico, inclusive atingindo os militares e policiais federais. Ou todos cedem um pouco do seu pedaço, ou não tem pra ninguém.

Voltando à diabólica estratégia da ESQUERDA - afundar o Brasil, transformando-o num caos até 2022 - quando ela sugirá com as mesmas soluções que agora rejeita. Mas, ao contrário, usariam tudo a favor de seus esquemas comunistas.

Como fizeram com os programas de FHC - usaram a estratégia dos outros para se aparelharem e locupletarem. Lançaram suas mãos nos cofres da Nação sem dó.

Segundo a revista de sociologia da USP (Tempo Social), quando Lula assumiu em 2003 encontrou a Rede Social Brasileira de Proteção Social, criada por Fernando Henrique Cardoso. Essa Rede de Proteção Social era formada pelos seguintes programas:

• Bolsa-Escola (MEC).
• Bolsa-Alimentação (MS).
• Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) (MPAS).
• Programa do Agente Jovem (MPAS).
• Bolsa-Qualificação (MT).
• Benefício Mensal – Idoso (MPAS).
 • Benefício Mensal – Portadores de Deficiência (MPAS).
• Renda Mensal Vitalícia (MPAS).
• Bolsa-Renda (seguro-safra) (MA).
• Auxílio-gás (MME). • Aposentadorias Rurais (MPAS).
• Abono Salarial PIS/Pasep (CEF).
• Seguro-desemprego (MT).

A esquerda apenas pegou carona e lhes deu o nome de Bolsa-família e ficou o tempo todo explorando os brasileiros na própria miséria para endeusar o bandido maior - o Lula. De miséria em miséria de um povo que ainda vive na caverna, a esquerda brasileira monta seus impérios às custas do erário numa distribuição entre camaradas. Para entender o que estou dizendo assista ao vídeo.



ASSISTA TAMBÉM

O Mito da Caverna (de Platão) #1

quarta-feira, 3 de julho de 2019

Saiba o poder da ORCRIM que continua operando no Congresso com apoio no Nordeste

Você precisa saber o que passa os integrantes da Lava Jato por tentar desarticular o mecanismo da organização. A história de como se desenrolou um dos maiores escândalos de corrupção do País. 

A Netflix em 'O MECANISMO' mostra os bastidores da operação que abalou o Brasil. De Vladimir Netto, a série da Netflix conta a história de como se desenrolou um dos maiores escândalos de corrupção do País mostrando quão poderosa é a organização, que continua atuando nos bastidores do Congresso para destruir os trabalhos da Lava Jato.

Desta vez utilizando os préstimos de organização do CIBERCRIMES pela invasões do Sistema de Dados da Lava Jato, com o roubo de dados pessoais dos procuradores, falsidade ideológica e acesso a informações confidenciais, bem como a disseminação dos dados através de jornalista ligado à organização.
ASSISTA AO 'MECANISMO' NA NETFLIX E CONFIRA O PODER DESSA ORGANIZAÇÃO QUE LEVOU À DESGRAÇA O BRASIL.

Parte de seus integrantes estão agindo neste momento nos bastidores do Congresso e com ramificações no Nordeste, com QG no Maranhão. 

Não precisa ser muito inteligente para ver a realidade das ações dessa organização criminosa. O chefe da organização continua em operação, a partir de uma cela especial em Curitiba, distribuindo ordens à facção aqui fora. 

Para combater uma  ORCRIM como essa é preciso driblar as regras da Lei que os próprios bandidos inserem para se protegerem. O jogo é bruto - REAGE BRASIL!!

terça-feira, 2 de julho de 2019

O FIM DO BRASIL: o bandido interrogando o juiz

Rui Falcão interceptado legalmente fazendo bandidagem com Lula - exigindo postura ética de Moro nesta terça-feira (02).

VÍDEOS DE RUI FALCÃO PRATICANDO CRIMES