24 de ago de 2019

PERIGO PARA O BRASIL: Dilma e Gleisi fecham acordo com extremistas da Rússia

Por Stephen Kanitz

Que acordo foi feito entre a Dilma e o Partido Comunista Russo?

E por que jornais e revistas mantiveram esse encontro em total segredo?
Eu sempre suspeitei que fossem o Governo Russo ou o Chinês que estavam interferindo na Democracia Brasileira grampeando telefones de Ministros Brasileiros, como o Moro.

Só eles têm a capacidade de espionagem e vontade política de se apoderarem de mais um país.

Vocês que ficam fazendo ti ti ti desse Governo eleito saibam que dependendo do que foi acordado, não teremos mais eleições nesse país.

Dilma e Gleisi admitem finalmente que o PT sempre foi um Partido Comunista, antidemocrático, ditatorial, militar e servindo aos interesses da internacional comunista, e não do Brasil.

E aposto que o acordo não foi de intercâmbio comercial, permitindo finalmente membros da Esquerda brasileira comprarem bens made in USSR.

Como remédios de farmacêuticas russas, sem cobrarem aqueles preços exorbitantes para custear pesquisa, que na Rússia são pagas pelo Estado.

Todo membro de um partido comunista brasileiro deve se sentir um total fracassado, um hipócrita total, comprando remédios americanos caros, voando num Boeing que explora seus engenheiros, ou comprando um Iphone ou Samsung.

Mas não, o acordo foi de cooperação interpartidária.

Sobre como o Partido Comunista poderia ajudar a Dilma a voltar ao poder.

Continuem falando mal dos filhos do Bolsonaro, da sinceridade do Bolsonaro ao se comunicar, daqueles que perceberam que o PT está arregimentando forças na Rússia, Cuba, Venezuela, Bolívia, ONU e possivelmente China.

Continuem acreditando que serão os mesmos economistas de sempre que irão reativar nossa economia para 6% por ano, o que permitiria a qualquer partido democrata ganhar qualquer eleição futura.

Sem ARN jamais sairemos do lugar, como não saímos depois do golpe de 1945 nessa profissão vital para o crescimento organizado.

Temos mais três anos para radicalmente mudar como estamos sendo administrados ou seremos administrados por vocês sabem quem.