sexta-feira, 4 de julho de 2014

ELEIÇÕES SUJA: Presidência do BNDES afirma que parte dos R$ 3,5 bilhões já foram depositados na conta do governo do Maranhão.

Wagner Bittencourt de Oliveira, vice-presidente do BNDES


Wagner Bittencourt de Oliveira disse que os recursos que foram emprestados ao governo do Maranhão não poderão ser repassados por meio do Fundema. São quase R$ 4 bilhões.

Digo eu, O Fundema é o fundo criado na calada da noite do processo eleitoral para uso em supostas obras e desvio nas eleições 2014.

O vice-presidente do BNDES afirmou que não pode ser feito nenhum aporte financeiro do banco para o governo do Maranhão durante o período eleitoral. Há entretanto, um saldo de recursos depositado na conta do governo pelo BNDES vinculados à supostas obras iniciadas em estradas.