Informações mais importantes sobre as Eleições

Acessos

sábado, 2 de maio de 2020

Ministro do STF avacalha com soberania do Brasil e fica do lado de país inimigo que já expulsou diplomata brasileiro

Em desafio ao povo brasileiro, ministros do STF vêm assumindo todos os poderes do Executivo diante das Forças Armadas frouxas e cheias de bravatas, que não garantem o respeito nem à soberania do Brasil.
Diante da omissão, ministros do STF invadem as competências do Executivo e sob ameaças, querem explicações de cada passa do presidente da República; até sobre políticas internacionais e segredos militares querem dar pitaco.
Quando Maduro expulsou o embaixador brasileiro, Rui Pereira em 2017, o supremo de lá não veio com essa palhaçada do STF daqui.
A quem compete resguardar a proteção do Brasil contra inimigos externos? 
Por que  o STF está a defender a ditadura comunista da Venezuela? 
procuram resguardar contextos comunistas de governos que odeiam o Brasil e ameaça nossos fronteiras.
Brasil e Venezuela estão rompidos diplomaticamente, desde que o Brasil impulsionou a suspensão de Caracas do Mercosul, em agosto de 2017, durante o governo de Michel Temer. No mesmo ano, o governo de Maduro expulsou o então embaixador brasileiro, Rui Pereira. Desde então, o Brasil é representado em Caracas por um encarregado de negócios, e Maduro mantém um encarregado em Brasília, Freddy Meregote, que, no governo Bolsonaro, deixou de ter qualquer interlocução com o Itamaraty.

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é bem vindo
Opine, comente, debata ...