Blog do Edgar Ribeiro

coronavirus.saude.gov.br

Acessos

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

OS PASSOS DE BOLSONARO E AS 💣MINAS💣 DA ESQUERDA

“MINHAS TROPAS ESTÃO NA RUA!”: O cenário Esquerda X Direita aponta para um desfecho semelhante ao de 1964 – Confira o passo a passo.

Bolsonaro recebeu a Nação com sua estrutura totalmente dominada pela Esquerda, que estrategicamente alocou suas tropas comunistas nas estruturas dos ministérios, nas estatais, nas fundações, nas empresas públicas e nas universidades federais (transportadas em puteiros e bocas de fumo, com raras exceções). Ou seja, a esquerda capitaneada pelo PT aparelhou o Brasil a seu gosto e tempero. 

Sem contar com o aparelhamento do Judiciário, com a cooptação de ministros nos tribunais superiores. Quando chegou a hora de pagar a conta para esquerda tiveram que votarem a soltura do Lula na cara dura. Também soltaram o Lula por que achavam que ele tinha a capacidade de barrar Bolsonaro – O cortador de propinas. 

O Legislativo, também com raras exceções, se transformou num covil e alcateia juntos - ladrões e lobos devoradores esticam seus braços e pernas em suas ações de interesses escusos, voltados unicamente para seus fundõe$ e emenda$ - recursos esses articulados e distribuídos às suas quadrilhas nos estados e municípios, onde esses recursos são desviados em simulações de obras e supostos serviços públicos. 

Com essa nua e crua realidade foi que Bolsonaro recebeu o comando deste País e precisou, passo a passo, traçar sua estratégia de combate a essa Pornocracia que se torno o Brasil por ato da esquerda. 

Eis os passos que Bolsonaro tem dado para desarmar essas bombas mortais da esquerda: 

- Escolheu ministros arrojados para uma missão de guerra; 

- Encarou de frente o principal escudo 🛡 de defesa da anarquia, da corrupção e da destruição por completo dos valores éticos, morais e de família – Esse escudo que Bolsonaro teve que enfrentar chama-se Grande Imprensa – No dia a dia ele tem travado batalhas. O presidente ainda não sucumbiu por que uma legião de soldados que ainda amam o Brasil vem sempre em seu socorro pelas trincheiras das redes sociais. 

- O segundo inimigo a ser encarado foi o TODO PODEROSO CONGRESSO NACIONAL (Senado e Câmara dos Deputados). Bolsonaro cortou a menina dos olhos dos deputados e senadores. Nome dela era Propina para votar projetos de interesse do governo. A reação foi chantagear Bolsonaro com a ameaça de não aprovação da previdência – Bolsonaro avisou que em alguns meses a Previdência quebraria e jogou o problema para o colo dos chantagistas e propineiros do Congresso; 

4º - Outro grande inimigo do Brasil que Bolsonaro enfrentou foi os esquemas da esquerda com ONGs nacionais e internacionais que estavam surrupiando as riquezas da Amazônia Brasileira sob o pretexto de conservação do meio ambiente. O presidente desmascarou a todos. Estes com raiva tocaram fogo 🔥 na floresta e alegaram que foi Bolsonaro. Usaram uma alienadinha para desgraçar com o Brasil no contexto internacional. 

5º - Com o projeto “Mais Brasil, menos Brasília”, Bolsonaro e Paulo Guedes decidiram descentralizar os recursos e repassar de 65% a 70% do orçamento aos estados e municípios e que a União conseguiria sobreviver com os 30% restantes. Quando Paulo Guedes falou isso, deputados e Senadores brilhavam os olhos. 

- Só que Bolsonaro baixou o Decreto nº 10.024/2019, obrigando Estados e municípios a fazerem pregão eletrônico para poderem gastar dinheiro repassado pela União. E colocou Sergio Moro para acompanhar o rastro do dinheiro que for repassado para prefeitos e governadores. Sergio Moro, por sua vez já criou um canal para receber denúncias contra corruptos dos estados e municípios. 

- Depois dessas medidas, deputados e senadores que pertencem ao quadrilhão da corrupção engrossaram as chantagens à Bolsonaro e sua equipe, com ameaças diretas, inclusive com promessas de impeachments de ministros e até do Bolsonaro. O presidente então, está nomeando generais para ministérios visando proteger o país quando do confronto que se avizinha. 

E esquerda quer é guerra, no sentido literal do termo. A todo instante proferem horrores contra o presidente, sua esposa, seus filhos. 

Acusam ao vivo e em cores o presidente de ser autor de assassinatos de pessoas e de comandar grupo de milicianos. Até sua esposa é acusada de integrar quadrilha de milicianos. 

Disparem mensagens dizendo que seus filhos, usando máscaras participam de execuções de pessoas pelo Brasil a fora. 

Todo isso apontam para consequências que a história contará, pois uma guerra digital entre esquerda e direita está travada, e ouso afirmar que ela sairá das telas dos celulares para as vias de fato nas ruas. No D, a história se repetirá. 

No dia chegará a seguinte mensagem nos grupos de WhatsApp: “Minhas tropas estão na rua!”. 

Será um Mourão dizendo BASTA!! de anarquia e pornocracia. 

O Mourão de 1964 respondeu ao um telefonema de presidente da república: 

General Castelo Branco: “não faça isso, pois não é a hora” 

General Olympio Mourão: “Castelo, eu vou sair e sabe o que eu penso de você? Você é um medroso!”. 

O General Olympio Mourão defendia a democracia, mas teve que agir na hora certa. 

Confira mais no link: ‘http://bit.ly/2V8uxjf’.

"Você é um medroso!" Ã‰ o que os generais têm dito nos bastidores referindo-se a falta de reação de Bolsonaro às acusações de que ele integra grupo de assassinos de pessoas pelo Brasil a fora, inclusive está denunciado no exterior por esta matando índios todas as semanas.

Bolsonaro não pode esquecer que foi enviado como ovelha ao meio de lobos e a recomendação de Jesus:

"Quando o valente guarda, armado, a sua casa, em segurança está tudo quanto tem. Mas, sobrevindo outro mais valente do que ele e vencendo-o, tira-lhe toda a armadura em que confiava e reparte os seus despojos. Quem não é comigo é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha". (Lucas 11:21-23).

E aí! Você é um medroso, Bolsonaro?


Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é bem vindo
Opine, comente, debata ...