30 de jan de 2019

DENUNCIAÇÃO CALUNIOSA: Vereadores acionam a justiça contra caluniadores

Oito vereadores de Paço do Lumiar acionam a justiça para processar caluniadores, que por meios de fake news (notícias falsas) praticam crimes de injúria, calúnia, difamação, ameaça de morte. Além de danos morais.

Após registros de ocorrências policiais, os Vereadores FERNANDO MUNIZ, LEONARDO BRUNO, MIGUEL ÂNGELO, INÁCIO FERREIRA, HELDER VAGNER, ANA LÚCIA, JÚLIO PINHEIRO E WELLINGTON SOUSA estiveram na Delegacia de Polícia da Sede de Paço do Lumiar, sendo recebidos pelo Delegado Titular, Dr. Sidney Oliveira de Sousa, que abriu procedimento para garantir proteção aos Vereadores e para investigar a perseguição sofrida pelos Vereadores, além dos crimes noticiados.

"O caso é extremamente sério e grave, uma vez que um dos elementos que está perseguindo os Vereadores e divulgando a danosa FAKE NEWS sobre a existência de milícia em Paço do Lumiar (inventada pelo blogueiro Domingos Costa), é um ex-presidiário, que era militar e foi expulso da Polícia Militar por assalto a banco, sequestro, estelionato, condenado pela justiça e é atual assessor informal do Presidente da Câmara Municipal de Paço do Lumiar, Marinho do Paço (PROS)", informam os vereadores. 

Os Vereadores supracitados estão extremamente temerosos por suas vidas e de seus familiares. Os edis apresentaram ao delegado diversos prints das calúnias, que estariam sendo disseminados em grupos do WhatsApp.

Os crimes denunciados pelos vereadores estão previstos nos artigos 138, 139 e 140 do Código Penal Brasileiro.