segunda-feira, 1 de outubro de 2018

BOLSONARO NÃO SINALIZA APOIO AOS ESQUEMAS DA GRANDE IMPRENSA E LEVA OUTRAS FACADAS

Ferido como está, será que ele vai resistir? 
A gente que lhe apoia está por aí cantando
... “♬♬♬ ... Não deixe o soldado ferido morrer ... ♬♬♬”.
As redações da GRANDE IMPRENSA estão orientadas a lançarem ataques sem piedade ao candidato Jair Bolsonaro. Potencializar fatos negativos e distorcer fatos favoráveis ao candidato são as ordens do dia.

Tudo isso porque Bolsonaro não sinalizou qualquer apoio aos esquemas da GRANDE IMPRENSA. Imprensa é a designação coletiva dos veículos de comunicação que exercem o jornalismo e outras funções de comunicação informativa. 

Quem presta um mínimo de atenção percebe que a GRANDE IMPRENSA (Globo, Veja, Folha, Estadão, Época, Isto É, etc) filtra os assuntos que são noticiados ao público. Se não fosse os internautas corajosos muita coisa ia para debaixo do tapete como ocorria em épocas não muito distantes. 

Em todas as eleições, principalmente nas presidenciais, os candidatos são instados a darem apoios a interesses outros da GRANDE IMPRENSA ... Se não...... 
Bolsonaro tem dito nos quatro cantos que vai rever muito coisa errada neste País, principalmente a escalada comunista contra a família, a moral e os bons costumes – essências para uma sociedade equilibrada e vital para a sobrevivência da atual democracia brasileira. 

A resistência de Bolsonaro em se enquadrar aos interesses dessa GRANDE IMPRENSA está lhe rendendo estes ataques e a publicidade com grande destaque do “ELENÃO”. 
Distorcer contextos e citar Bolsonaro de forma negativa é a ordem para os batalhões de jornalistas da GRANDE IMPRENSA.

Bolsonaro tem seis dias para resistir às facadas dos adversários e da GRANDE IMPRENSA.