segunda-feira, 1 de outubro de 2018

BATIDO, ASSINADO E CARIMBADO: O Modus Operandi do bandido Lula revelado pelo parceiro de crimes

Fonte da postagem: ESTADÃO

Em delação Palocci diz que o interesse corrupto de Lula com a nacionalização e desenvolvimento do projeto do pré-sal era sem precedentes. Ainda há dezenas de Termos de delação sob sigilo anexados ao processo penal contra Lula aberto pelo juiz federal Sérgio Moro, de propinas da Odebrecht na compra de um terreno para o Instituto Lula, em São Paulo, e do apartamento usado por ele em São Bernardo do Campo.

Na delação, o ex-ministro da Fazenda de Lula e ex-chefe da Casa Civil de Dilma atribui a Lula envolvimento no amplo esquema de loteamento de cargos estratégicos na Petrobrás acatando interesses de partidos políticos e distribuição de propinas.

“O então presidente da República foi expresso ao solicitar do então presidente da Petrobrás que encomendasse a construção de 40 sondas para garantir o futuro político do país e do Partido dos Trabalhadores com a eleição de Dilma Rousseff, produzindo-se os navios para exploração do pré-sal e recursos para a campanha que se aproximava”, registra o Termo de Delação 01(CONFIRA ...).

Preso e condenado a 12 anos e um mês de pena na Operação Lava Jato, Lula teria cobrado que Palocci fosse o responsável pelo gerenciamento dos recursos. “Na mesma reunião, afirmou que caberia ao colaborador (Palocci) gerenciar os recursos ilícitos que seriam gerados e o seu devido emprego na campanha de Dilma Rousseff para a Presidência da República.”.

JÁ PASSOU DA HORA  DESSA GENTE SER BANIDA DO CENÁRIO POLÍTICO BRASILEIRO.