30 de ago de 2018

DINOVO?: "O conjunto probatório demonstra a existência de uma organização criminosa"

Declaração do Ministério Público de Contas junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Trata-se de um esquema criminoso para desviar recursos do Estado como tanto outros denunciados pelos veículos de comunicação, mas abafados pela conivência daqueles que deveriam apurar e pôr os culpados na cadeia.

O esquema tem uma rede de envolvidos que abarca os poderes do Estado. 

Segundo a denúncia destacada em primeira mão pelo Blog ATUAL7, o viés (o caminho) utilizado pela gestão comunista para garfar (roubar) foi a locação do prédio onde funcionava a antiga Clínica Eldorado, utilizada para a implantação do Hospital de Ortopedia e Traumatologia (HTO), pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).

TUDO EM CASA
Na investigação das peças do esquema a imprensa noticia que marido de uma das sócias da Clínica Eldorado, a juíza Janaína Araújo de Carvalho, que coordena a Central de Inquéritos de São Luís, é o promotor de Justiça Reginaldo Júnior Carvalho (titular da Promotoria de Justiça Criminal de Imperatriz e assessor especial da Procuradoria-Geral de Justiça - PGJ), ligado diretamente ao chefe do Ministério Público do Maranhão, o procurador-geral Luiz Gonzaga Martins Coelho.

A magistrada Janaína Araújo de Carvalho, segundo a imprensa local e nacional, é irmã de Janyr Carvalho de Araújo (assessora jurídica da SES e filha da sócia-majoritária da Clínica Eldorado, a pediatra Ideni Viana de Carvalho).

Ou seja, os comunistas do Maranhão liderados por Flávio Dino não dão ponto sem nó, uniram o útil ao agradável.

O útil - Hospital de Ortopedia e Traumatologia

O agradável - Os recursos desviados para propósitos outros.

E quanto ao Ministério Público do Maranhão?