7 de fev de 2018

O MARANHÃO CONTINUA NA MISÉRIA ESCONDIDA PELA CORTINA DA PROPAGANDA DO GOVERNO ESTADUAL

Segundo o Valor Econômico, no Maranhão 48% da população só ainda não morreu de fome graças ao Bolsa Família. Em São Raimundo do Doca Bezerra (MA), 99,98% da população, de 4.946 mil habitantes, vive com R$ 39 a R$ 372.

As alardeadas ações do governo Flávio Dino não geraram e nem está gerando renda para os maranhenses. Só paliativos, enganações e miguelagem (malandragem política).

É o que se pode concluir do governo Flávio Dino. Pinturas nas obras de governantes anteriores, remendos e muita propaganda é o que se vê.

As ideias propagandeadas são muitas, mas sem efetividade; sem retorno em renda para a maioria dos maranhenses. Apenas se vê umas migalhas ali e outras acolá. 

Um faz de conta sem precedentes. O Maranhão continua na mesma miséria de antes.

- Não consegue combater a violência, nem os criminosos que expulsam moradores de suas casas;

- Não melhorou a educação;

- Não melhorou o atendimento aos que buscam a saúde pública;

- Não melhorou as condições de vida dos Maranhenses com a geração efetiva de empregos.