Pular para o conteúdo principal

Hospital Aldenora Belo adquire equipamentos com emenda de Weverton Rocha



O deputado federal Weverton (PDT) visitou nesta terça-feira (20) a Fundação Antônio Jorge Dino e o Hospital Aldenora Belo, instituição voltada ao atendimento de pessoas com câncer no estado. Ele conversou com a presidente da Fundação, Enid Moreira Lima Jorge Dino, com o vice-presidente Antônio Dino Tavares e a assessora Silvia Jorge Dino sobre as atividades das duas instituições e reafirmou sua disposição de continuar cooperando como parlamentar em apoio ao trabalho realizado por eles. “O Hospital Aldenora Belo desenvolve um trabalho admirável no tratamento do câncer, sendo reconhecido por todo o estado, e a Fundação Antônio Jorge Dino tem sido incansável no sentido de conseguir recursos para manter o hospital e garantir atendimento à população mais carente sem cobrar por seus serviços”, disse Weverton.

Emendas para equipamentos

Desde 2016, Weverton vem fazendo indicação de emendas para o Hospital do Câncer. No Orçamento da União de 2017, o deputado destinou R$ 300 mil para a compra de um endoscópio e 36 venoscópios ambulatoriais, equipamento que ajuda a localizar a veia do paciente, reduzindo o sofrimento na coleta do sangue. A aquisição desses equipamentos já está em fase de licitação.

No Orçamento de 2018, fechado no ano passado, Weverton destinou mais R$ 300 mil para a compra de um novo aparelho de Raio X.

“Esses novos equipamentos vão melhorar tanto o serviço quanto a qualidade do tratamento dos pacientes, proporcionando-lhes modernidade e conforto afirmou Antônio Dino. “Para nós esses recursos são de grande importância. E com visitas como esta a gente vai subindo mais um degrauzinho”, comemorou a presidente da entidade Enid Jorge Dino.


História

O Hospital do Câncer Aldenora Bello, inaugurado em 1958, é pioneiro no tratamento do câncer no estado do Maranhão. Ele é mantido pela Fundação Antonio Dino, que recebeu o nome de um dos médicos que iniciou o combate ao câncer no Maranhão à frente do hospital. A entidade filantrópica foi criada há 41 anos, com o objetivo de manter o hospital e atender à população mais carente sem cobrar por seus serviços. Atualmente faz 30 mil atendimentos por mês, uma média de 600 internações, 2.000 quimioterapias e atendimento de radioterapia em 220 pacientes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

EXPLOSÃO DE SHOW: 4 de agosto no Parque Folclórico da Vila Palmeira - Arrocha Gigante com Pablo, Léo Magalhães e outros

O Parque Folclórico da Vila Palmeira vai ficar pequeno para o Arrocha Gigante com Pablo, Léo Magalhães, Alex & Camargo e os Clones do Brasil.
INGRESSOS À VENDA NA BATUQUE BRASIL E NA CHOPERIA MARCELO NO HORÁRIO COMERCIAL.

EXCLUSIVO!!! Esquema criminoso no SOCORRÃO 1 – Sete crimes detectados

A partir de uma relação criada pelo governador do Maranhão (do PCdoB) com dirigentes do DEM com vistas às eleições 2018, empresas vinculadas à família do deputado estadual Stenio Resende, do deputado federal Juscelino Filho e de sua mulher, passaram a receber contratos milionários da Secretaria de Saúde do Estado.
Na gestão de Edivaldo Holanda Junior não é diferente. A contratação e manutenção da empresa DIO - Diagnóstico por Imagem e Oftalmologia Ltda, pertencente a mulher do deputado federal Juscelino Filho, Lia Cavalcanti Fialho Rezende, para suposta prestação serviços no Socorrão 1 (Hospital Municipal Djalma Marques - HMDM) é um dos casos.
O ESQUEMA NO SOCORRÃO 1 (HOSPITAL MUNICIPAL DJALMA MARQUES)
Vamos aos fatos passo-a-passo....
- Em 30/09/2016 o Diretor Geral do Socorrão 1 autorizou abertura do Processo administrativo nº 180.58483/2016 para Contratação de empresa especializada em serviços de radiodiagnósticos médicos por imagem nas modalidades de radiologia convencional; tomog…

PGE/MPF: 16 dias para se manifestar sobre cassação de Jackson Lago e 2 anos, 4 meses e 11 dias para se manifestar sobre cassação de Roseana Sarney.

Procuradoria Geral Eleitoral (PGE) do Ministério Público Federal (MPF) segurou o processo de Roseana por 2 anos, 4 meses e 11 dias o que equivale a 861 dias de atraso para manter Roseana no poder.
Dados
Orgão: TSE Classe: 21 - RCED Processo: 991  (0000009-91.2011.610.0000) Dt Protocolo: 30/03/2011 Nº Apensos: 0 Nº Volumes: 1 UF: MA Relator: ARNALDO VERSIANI LEITE SOARES Fase Atual: 07/08/2013 16:08 DEVOLVIDO AO ORGÃO DE ORIGEM COM MANIFESTAÇÃO DA PGE