A FACULDADE IESF FACILITA SUA VIDA ACADÊMICA

Acessos

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

FGV mostra os benefícios do Bilhete Único que o prefeito de são luís faz corpo mole para implantá-lo. Prefere custear os empresários de ônibus.

A Fundação Getúlio Vargas – FGV, mostra benefícios e os Impactos Sociais do Bilhete Único para os usuários de transportes coletivos.

 

A Fundação fez extensa pesquisa de opinião da mídia e da população, veja e clique nos links.


Impacto de Mídia
Jornais

Link
Matéria
Programa
Data
Bilhete Único já contribui para expansão do emprego 
O Fluminense - RJ
20101112
Bilhete Único facilita emprego 
Povo do Rio - RJ
20101112
Os excluídos do bilhete único 
O Globo - RJ 
20101112
Bilhete Único aumentou o acesso a bens e serviços 
O Dia - RJ
20101112
Bilhete único ajuda a gerar emprego no RJ 
Valor Econômico - SP
20101112
Bilhete Único 
O Fluminense - RJ 
20101113
Cabral decide manter o valor do bilhete único 
O Globo - RJ
20110126
 Rádio e Internet

Link
Matéria
Meio
Data
Bilhete Único intermunicipal do RJ, representa economia para usuários
Rádio Band News - RJ
20101111
Emprego no Rio cresceu mais na periferia depois da implantação do bilhete único
Jornal do Commercio Online - RJ
20101111
Rio: emprego cresce mais na periferia depois de bilhete único
Terra Notícias - SP
20101111
Emprego no Rio cresceu mais na periferia depois da implantação do bilhete único
JB Online - RJ
20101111
Emprego no Rio cresceu mais na periferia depois da implantação do bilhete único
ClicaBrasilia - DF
20101111
Estudo mostra que emprego no Rio cresceu mais na periferia depois da implantação do bilhete único 
Agência Brasil - DF
20101111
Bilhete Único intermunicipal do Rio tem representado economia de R$ 2,62 por dia para usuários, diz pesquisa 
Globo Online - RJ
20101111
Bilhete Único aumentou o acesso a bens e serviços 
O Dia Online - RJ
20101112

Enquanto em São Luís, Edivaldo Holanda Junior repassa 2 milhões ilegalmente para os empresários de ônibus a título de subsídio de um sistema falido e sem controle, em fortaleza o prefeito da capital usou 2 milhões para resolver o problema de uma vez por todas em apenas dois meses (VEJA VOCÊ MESMO).

Não é que Edivaldo Holanda Junior não queira, ele não consegue fazer isto por três motivos:

1º MOTIVO – o PC do B gerencia a administração do Prefeito de São Luís, não consegue fazer nada sem a permissão dos comunistas por conta de acordos com Flávio Dino para 2014.

2º MOTIVO – Os empresários de ônibus são quem gerencia os transportes coletivos (CONFIRA).

3º MOTIVO – Não tem equipe técnica competente para fazer o que é necessário. Além disso a SMTT é um órgão que precisa de reestruturação, está às traças e sem nenhuma condição de desenvolver e gerenciar um projeto de grande alcance social. Basta ir até a SMTT e verá como andam as coisa por lá.

Por isso, a administração de Edivaldo Holanda vem com a conversa fiada de que só após a licitação das linhas de ônibus vai pensar no Bilhete Único, prometido como prioridade do seu governo na campanha eleitoral.

Eles parecem todos perdidos! O Prefeito e o Secretário da SMTT, reféns dos empresários prometendo repassar 2 milhões dos cofres públicos para o SET pagar os motoristas, cobradores e funcionários das empresas. isto é deprimente, dá pena! Além disse tal ato é ilegal, como observa Itevaldo em seu blog (LEIA).



Enquanto eles levam o problema com a barriga, a população sofre no caos do dia-a-dia, reféns dos empresários de ônibus de São Luís ao olhar conivente da SMTT, que se tornou uma figura decorativa da administração de Edivaldo Holanda Junior.

Tem mais ...  AGUARDE!
Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é bem vindo
Opine, comente, debata ...