domingo, 15 de setembro de 2013

DAR VOTO: GOVERNO DO MARANHÃO POR OMISSÃO ADOTA EXECUÇÕES COMO COMBATE A CRIMINALIDADE.

A população do Maranhão está entre à criminalidade. A secretaria de Segurança do Estado só serve para contabilizar execuções dos apenados que estão sendo executados constantemente nos presídios do Estado.

Somados às execuções está a fuga de presos quase todos os dias.

A maioria da população é a favor das execuções quando o executado não é seu parente. Os políticos maranhenses já enxergaram esse nicho de votos e estão se omitindo, deixando a matança acontecer.

Em menos de 15 dias, bandidos que se associaram e mataram um empresário ligado a alta sociedade, estão sendo executados um por um. Já mataram 4. Só faltam 16, pois segundo a polícia o bando seria formado por 20 membros da Vila Conceição.

Nem a polícia consegue se proteger. Cinco bandidos executaram na noite de hoje (15), um policial militar identificado até agora como Acrísio, no bairro Jardim América, na região da Cidade Operária.

Os executores do PM estavam em dois veículos. Três deles em um Corola, e dois em uma moto. Essa quadrilha de pistoleiros, segundo policiais do serviço de inteligência, são do Rio de Janeiro e estão aqui para assassinar policiais.

Assim está o Maranhão dos Sarney, uma terra de barbárie e descasos com a segurança pública.

Por aqui, execuções está dando ibope para o Governo do Estado, numa insanidade sem precedentes.

Se essas execuções fossem gerais e irrestritas contra criminosos corruptos, pistoleiros, políticos, traficantes, brancos, pretos, pobres, ricos, católicos, evangélicos, espíritas, macumbeiros, etc, eu me atreveria a declarar apoio à pena de morte instalada no Maranhão.

Como sei que só executam criminosos pobres, declaro-me totalmente contrário à Pena de morte aqui e em todo o brasil.