13 de jun de 2013

Para desclassificar o movimento contra o aumento de passagem em São Paulo, a PM agride os manifestantes com spray de pimenta, bombas de gás, depois age com mais violência e acusa os manifestantes de serem os culpados.

A coisa é articulada e proposital para abafar a manifestação. Inclusive, acusando os manifestantes de formação de quadrilha. para esconder as agressões a PM está prendendo e dispersando jornalistas e fotógrafos com identificação e tudo.


Onde que já se viu num regime dito democrático, movimentos serem enquadrados como formação de quadrilha?