quinta-feira, 26 de julho de 2012

A VINGANÇA DOS SARNEY: O Deputado Federal Domingos Dutra é agredido pela PM do Estado do Maranhão por defender a comunidade Vinhais Velho.

NOTE A EXPRESSÃO DE DOR EXTERNADA PELO DEPUTADO QUANDO O PM TORCE O SEU BRAÇO.
Isto aconteceu ontem Quarta-feira (25). 

Domingos Dutra contou que um batalhão com mais de 150 policiais invadiu a comunidade tradicional, ameaçando as famílias. “É a segunda vez, nesta quinzena, que a PM invade a comunidade. Na sexta-feira passada (16), 20 viaturas, máquinas pesadas e 01 helicóptero, reforçados pelos policiais da Força Nacional de Segurança, a mando da governadora Roseana Sarney, tomou a vila de surpresa, levando os moradores a fazerem uma barreira humana para impedir a destruição do lugar”.

O Deputado informa que polícia militar sumiu com seu veículo e com tudo o que havia dentro dele: seu notebook, máquina fotográfica, modem, documentos e dinheiro.  A polícia de forma truculenta usou gás lacrimogêneo e balas de borracha contra a comunidade.

Três pessoas foram feridas, dentre eles um morador da comunidade de 75 anos e a professora da Universidade Federal do Maranhão, Antonia Mota.

O Deputado é conhecido como o único adversário politico que tem coragem de se contrapor aos interesses da família Sarney no Maranhão.

Corre sério risco de morte  nesta terra de pistolagem e desmandos.

Se eles fazem isto com um Deputado Federal e presidente da Comissão de Direitos Humanos, imagine com nós cidadãos comuns que ronda esta cidade atrás da sobrevivência.

Os direitos humanos foram ultrajados para impor o medo aos que reivindicam, aos que lutam por uma causa.

A população do Maranhão já anda cabisbaixa com medo da oligarquia que aqui manda há mais de 40 anos, agora com uma surra no representante dessa população sem vez, sem voz, sem nada é que o silêncio medo vai imperar.

Começa com o silencio da propria imprensa que informa os fatos de forma distorcida por que está presa ao sistema.