A FACULDADE IESF FACILITA SUA VIDA ACADÊMICA

Acessos

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

José Reinaldo Tavares (PSB), pede que o ministro Arnaldo Versiani, do TSE, venha a São Luis para ouvir as testemunhas de defesa da governadora Roseana Sarney (PMDB) no Processo de cassação desta

Motivo: o ministro determinou ao Tribunal Regional Eleitoral maranhense que ouvisse as testemunhas há seis meses e, até agora, ninguém foi ouvido. Enquanto isso, o processo fica parado.

Os advogados de Roseana Sarney suscitaram incidentes processuais pelos quais o TRE do Maranhão, por três votos a dois, mandou o processo retornar ao gabinete de Sérgio Muniz às vésperas da audiência marcada por Nelson Loureiro. A decisão foi tomada no dia 25 de janeiro e Muniz ainda não designou a data da audiência.


Fonte: Conjur

Comentário(s)

Um comentário:

  1. Anônimo26.2.12

    Parece que o Ministro Arnaldo Versiani seja pessoa digna e conseguentemente imparcial. O grupo Sarney sabe disso e teme que o Ministro chegue a julgar o precesso, sabendo que as chanches de vitoria são bem remotas. O Segundo Biennio do mandato no TSE do Ministro vence, se não erro, em novembro deste ano. Já se fala que o/a sobstituto/a seria indicação do Clá, assim única solução para evitar que, como diz o José Reinaldo Tavares “O fetiço se revolte contra o feticeiro”, é aquels de empurrar o processo com a barriga, ate que um/a Ministro/a corrupto/a, parece se trate de mulher, se encarregue de não sujar a lindissima ficha da Sra. Roseana Murad.
    Assim as peças do quebra-cabeça se encaixam.
    Torço para que o Min. Arnaldo Versiani, possa julgar este processo, fazendo o seu trabalho com serenidade, tomando as suas responsabilidades, decidindo coscientemente em base aos fatos e da consistencia das provas.
    Que alguem lá no ceu, ilumini e conserve a integridade deste homem para o bem da Justiça e do Maranhão.

    ResponderExcluir

Seu comentário é bem vindo
Opine, comente, debata ...